Aos 16 anos, surfista Caio Costa vence o Paúba Super Tubos


Jovem é uma das promessas do surfe brasileiro e faturou caneco conquistado por Medina em 2019




O surfista Caio Costa, natural de São Sebastião, foi campeão do Paúba Super Tubos no último domingo, 7. O campeonato especial premia os competidores por pegarem as ondas mais tubulares. As disputas, que haviam sido adiadas em 2020 por causa da pandemia do Covid-19, ocorreram na Praia da Paúba, no litoral norte de São Paulo.


Em ondas tubulares de até 1,5 metro, Caio Costa, conhecido também como Caveirinha, superou o atual campeão brasileiro de longboard, Carlos Bahia, além dos experientes surfistas Renan Pulga, Pedro Tanaka, Sidney Guimarães e Cauã Gonçalves.


 


- A final foi bem legal, consegui achar dois tubos, porém fiz uma interferência (atrapalhou a onda do concorrente, sofrendo penalização na pontuação) e venci por pouco - contou Caio.


- Foi a minha primeira final no evento, que é muito especial para mim, pois Paúba foi onde eu cresci. Um campeonato que sempre sonhei ganhar e sabia que uma hora viria. Na minha casa, no meu quintal - ressaltou o surfista, que dedicou o título ao avô, que mora com ele e faz 67 anos nesta semana.


Treinado por Alex Loco, o surfista de 16 anos conquistou o terceiro título em dois anos. No último ano, ele foi duas vezes campeão brasileiro do Grom Search, nas categorias sub-16 e sub-18. Em 2019, o adolescente não disputou a edição do Paúba, já que, um dia antes da data marcada, se machucou treinando na praia. Na ocasião, o vencedor foi o bicampeão mundial Gabriel Medina


Caio mora e treina na Praia de Maresias, em São Sebastião. Considerado uma das principais promessas do surf brasileiro, o garoto tem como meta disputar o Circuito Mundial.


- Tenho que ter muito foco, treinar muito. Não é fácil, mas estou determinado - completou o atleta





GALERIA

Respiramos duas Rodas

• Copyright (c) 2021 • All rights reserved • Under your spell DP •